Amigos

domingo, 19 de outubro de 2014

APENAS UM VERSO

 Eu quero um verso que seja  singelo
Que seja simples, sem atavios
Um verso ameno e inocente
Que diga apenas o que se sente...
Que expresse apenas no que revela
O sol que brilha no chão da lua
Deixando doce no céu da boca,
Gosto de estrelas no firmamento.
Que seja alegre como na infância
Brincando em jogos como criança
Que seja limpo como um sorriso
Que seja ouro, que seja prata...
Traga  no verbo como relíquia
Um acalanto de puro encanto
Que traga ao filho e à sua mãe
Toda a magia de um breve instante...

Guaraciaba Perides

O brilho da Estrela

O encanto da Rosa



                                                             

Um doce acalanto...
                                                             




Apenas  um verso...



24 comentários:

  1. Com apenas um verso conseguiste arrancar aplausos do meu coração...
    Tenhas uma semana maravilhosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada...um verso com coisas que valem a pena viver...
      Um abraço, paz e Amor.

      Excluir
  2. Com apenas um verso,você demonstra a poetiza que é,parabéns pelo dia do poeta amiga Guaraciaba.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Carmen...você que sabe viver com poesia...
      Um abraço

      Excluir
  3. Que lindo, Guaraciaba, e o instante é tudo o que temos e que podemos. Devemos então vivê-lo com intensidade. Poetizá-lo como você bem o fez, adoçando com o sabor das estrelas, do sol e da lua, tornando-o alegre e feliz como criança. E essa música.... Fazia tempo que a ouvia, fiquei até um pouco o nostálgica.Adorei ler e ouvir. bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lourdinha...é verdade...na medida que valorizamos os belos momentos que se nos apresentam podemos viver com mais intensidade e prazer... e todas as melhores coisas da vida nos são dadas de graça e pela graça de Deus.
      Um abraço

      Excluir
  4. De verso em verso a poesia nasceu e quedou-se luminosa.

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Pérola...os momentos surgem na vida, cada um com sua própria luz, vamos aproveitá-los.
      Um abraço

      Excluir
  5. Neste lindo e encantador verso, Guaraciaba, disse tantas coisas boas! Linda música!
    Beijos e uma feliz semana!
    Mariangela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mariangela, obrigada
      Uma luminosa semana com seus belos versos
      onde você agradece o que vê e assimila com
      o coração

      Excluir
  6. Esos Versos llenos de inocencia, de lucidez como la Luz de las Estrellas y de consistencia como el calor del Sol sobre el suelo de la Luna, que siempre es nuestra confidente y cómplice.
    ¡¡¡Obrigado, siempre, por Tus comentarios llenos de cariño y compromiso!!!
    Abraços e Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pedro Luis, obrigada pelo comentário...palavras de um verdadeiro
      guerreiro que sobretudo valoriza a vida e a ama sobretudo.
      Um abraço

      Excluir
  7. Ola querida amiga, poesia e musica,como sempre encantadoras.Tuas escolhas e os versos que nascem em tua alma e privilegiada sabedoria são sempre maravilhosos.Meu maior abraço.SU

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suzane, obrigada...acho também que a maravilha da vida está ao nosso alcance ...basta abrir a janela ou ver como uma criança brinca com quase nada que é quase tudo.
      Um abraço

      Excluir
  8. Tanta riqueza, na simplicidade, é mesmo de encantar! Volto leve, à "real"...

    Ótima semana, Guaraciaba! Meu abraço.

    P.S. Li seu comentário, na MPB: meus pais assistiam à "Hora da Saudade"e, por
    incrível que pareça, eu já gostava de ouvir Orlando Silva, Chico Viola e tantos outros...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lúcia, talvez eu também gostasse mas não "não dava bandeira" (rs) por puro preconceito.Mas quando era bem pequena gostava de imitar a entonação de Vicente Celestino ("acorda patativa , vem cantar")...vê se pode, uma menininha de cinco anos cantando a Patativa (rs).
      Um abraço

      Excluir
  9. Olá Guaraciaba,passando para agradecer sua amável visita.
    bjs amiga
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada,Carmen...é sempre um prazer visitá-la
      Um abraço

      Excluir
  10. Cingidos na poesia toda os versos que acalantam! abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ives, não custa nada sonhar com coisas belas...sobretudo no acalanto à uma criança.
      um abraço

      Excluir
  11. Olá Guaraciaba,

    Fiquei encantada com o vídeo. Ternurento que só. Uma graça.
    Lindo o poema, com versos que apontam para a beleza e simplicidade que podem encantar momentos de nossa vida. Podemos ser feliz com tão pouco, não é, amiga?
    Postagem cheia de encanto.

    Belos dias.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vera Lúcia...a voz de Adriana Maciel nesta música é tudo de bom... em geral as coisas que amamos estão ao nosso alcance...amor, carinho e paz.
      Um abraço

      Excluir
  12. Querida Guaraciaba, lindo o seu poema... Eu também queria só um verso, um verso que acabasse com a dor do mundo.
    Amiga, beijo e Paz Profunda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Shirley...é verdade...como seria bom se isto fosse possível, mas no nosso estágio de espiritualidade,
      "alcançar o inacessível chão"
      um abraço e Paz Profunda

      Excluir