Amigos

domingo, 13 de janeiro de 2019

A VIDA NOS ENSINA

A Vida  nos  ensina
A  cada dia
A  cada passo
A  cada  tempo
A  Vida  nos  ensina
a conduzir  novas  verdades
com  Verdades...
Verdades  que  refletem
o que  de  fato  somos.
Fácil  é  falar.
O  mais difícil  é  o  exemplo.
Doa  altos  templos de  dignidades
em  que  nos  colocamos,
somos chamados a provar  as teses
dos edifícios  que  nos  construíram...
E em  cadeia de  ação  e  reação
vamos  vivendo  o  que   de fato  somos.
Se  dizemos  ser por obra do destino,
impecáveis,  corajosos,  puros
A  Vida  se  encarrega de mostrar
à  nossa  própria  face
e  nos instiga a  agir e  reagir  de acordo.
Se  a  nossa  autoestima  nos  conduz,
teremos  que  enfrentar  todos  os  medos,
tentações,  fraquezas,
com o  mesmo denodo que  se espera
E  aí,  dos  preconceitos ...o  que  se  espera?
A  Vida nos  ensina
a cada  dia,  a  cada  hora,
a fragilidade  do  ser tão  diferentes
do  que  pensamos  ser.
E  à  fratura exposta  de nossa  alma,
a Vida  nos  ensina,
o  quanto  temos  de aprender,
o  quanto  temos  de viver,
para  poder  enfim,
compreender  o  outro...
aquele que execramos e por motivos fúteis
desprezamos;
aos olhos  da  Vida, somos espelhos entre  nós
e  refletimos  apenas  em  nuances
diferenças   sutis de  evolução.
São  séculos  de memórias,
de  guerras  e de  enredos...
São  sonhos de grandeza e histórias,
verdades absolutas  em degredo,
por almas condenadas pelo  orgulho
e  que   tempo  da   Vida  revelou
não  ser, senão  areia, frágeis  sinais
no  mar  da  Ilusão...
Se  somos o que  somos ou
se não  somos,
se  a  Verdade é  nossa  companheira
ou  apenas  reflexos  de nossas  almas...
a única  Verdade  que  nós  temos
é  que  a  Vida
não  se  cansa  de  ensinar.

Guaraciaba   Perides





segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

O POETA E A FLOR (para cantos infantis)

Nos campos  floridos
Entre tantas belas
E botões se abrindo
ao nascer do dia...
De  todas  as flores
que resplandeciam,
a que o Poeta  amava
era sempre  Aquela...
Exaltava  a Bela
Como uma princesa
Um  raio de  sol
anunciando o dia.
E  em seu  canto havia
Versos que encantavam
e traziam  a Ela
o que Ela  mais  queria...
Amor  verdadeiro
era de fato...e todos sabiam
que o Poeta foi  sempre  fiel
e nunca se esqueceu da Rosa Amarela!


Guaraciaba   Perides

OLHA   A   ROSA   AMARELA   -






 
Art  Naif     imagem    de   Internet


Resgatando os doces  momentos  da Infância que ecoam  de longe , muito longe,  mas tão  presentes  na alma  ...       



quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

DE QUE TODA GENTE PRECISA

De  muito  mais alegria
De amizade sincera...
Sem protocolo de espera
Sem  etiquetas   de  estrelas.
Muito  menos hipocrisia.
De mais Terra  em qualidade
Menos viagens   à  Lua.
Menos  fome  no  Planeta
Mais  cuidados  e igualdade...
Que o velho Mundo se  irmane
sem cor de pele  ou  de raça;
E,  como diziam  os antigos,
a nossa   extensão  de  caminhos
torne o Mundo  sem  porteiras...
Sem gente  'diferenciada',
e mais  pão  menos  brioche,
mais  saúde  qualificada.
Muito,  mas  muito  mais ,
Amor   mais  verdadeiro!
Que a poesia  se torne  a
Linguagem  Universal,
e a Música da  Emoção
chegue  direto ao Coração!
O  Pensamento  se cure
das agressões   manifestas,
do escândalo  e  do perjúrio...
Mais  natureza  em  fotossíntese
e menos  estupidez
dos  agrotóxicos  malditos!
Que   o Chapeleiro  maluco
encontre  enfim seu descanso,
E que as lágrimas  de Alice
sejam  só de Alegria;
E  muito  mais,  mas  muito mais
de  Harmonia...


Guaraciaba  Perides


Um  mundo  de  sonhos onde as coisas mais simples sejam  as  mais verdadeiras. o amor  prevaleça e a solidariedade seja  o alicerce da Paz. Um Ano Novo !




















sábado, 15 de dezembro de 2018

O NATAL E O RECOMEÇO

I   -     NATAL

UM   HOMEM
UMA  MULHER
UMA  ESTRELA
UM  SALVADOR...

UMA   HISTÓRIA
QUE  PERPASSA
COMO  FIOS  DO  DESTINO...
TEMPLOS  SE LEVANTAM
EM  PROFISSÕES  DE FÉ.

UMA  MULHER  
E  SEU  MENINO!

SÉCULOS  QUE  AVANÇAM
NOS  CAMINHOS...

LUZES  QUE  BRILHAM
SINOS QUE TANGEM
VIBRAÇÕES  DE  OURO
NOS CORAÇÕES  DAS  GENTES...

MARIA  É  O SEU  NOME !
JESUS  É  O  SEU  MENINO!



Guaraciaba   Perides

museu  de arte  sacra






JESUS  ALEGRIA  DOS  HOMENS  (   Sebastian  Bach)





UM   FELIZ   NATAL   PLENO  DE  AMOR  E PAZ
NO SEMPRE RECOMEÇO  DA  ESPERANÇA!

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

PARA QUEM AMA

I-  Quem   ama  inventa

Quem  ama inventa as  coisas a que  ama...
Talvez  chegaste  quando eu  te  sonhava.
Então de súbito acendeu-se  a  chama!
Era  a brasa  dormida  que  acordava...
E era  um revôo  sobre  a ruinaria,
No  ar  atônito  bimbalhavam  sinos,
Tangidos  por  uns  anjos  peregrinos
Cujo dom  é fazer  ressurreições...
Um  ritmo  divino? Oh!  Simplesmente
O palpitar  de nossos corações
Batendo  juntos  e  festivamente.
Ou sozinhos, num ritmo  tristonho...
Ó! meu  pobre,  meu  grande  amor  distante,
Nem  sabes  tu o bem que  faz à  gente
Haver  sonhado...e ter  vivido  o  sonho!

Mário  Quintana
...........................................................................
II- Se  tu  viesses  ver-me...

Se  tu viesses  ver-me  hoje à  tardinha,
A  essa hora dos  mágicos  cansaços,
Quando  à  noite  de  manso  se  avizinha,
E  me prendesses  toda  nos  teus  braços...

Quando  me  lembra:  esse  sabor  que  tinha
A tua  boca... o eco  dos teus  passos...
O   teu  riso de  fonte... os  teus  abraços
Os  teus  beijos...a tua  mão  na  minha...

Se  tu viesses  quando ,  linda  e louca,
Traça  as  linhas  dulcíssimas  dum  beijo
E é de seda  vermelha  e canta  e  ri

E é como  um cravo ao  sol  a  minha  boca...
Quando  os olhos se  me cerram  de desejo...
E os  meus   braços  se  estendem  para  ti...

Florbela   Espanca

.................................................................................


 Poema dos olhos  da Amada  (Vinicius de  Moraes)

......................................................................................................................................
" objeto
do meu  mais desesperado  desejo
não  seja  aquilo
por quem  ardo  e  não vejo

seja  a estrela  que  me beija
oriente que me reja
azul  amor  beleza

faça qualquer coisa
mas pelo amor de deus
ou de nós dois
seja.

Paulo  Leminski
.....................................................................................................................................

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

REFLEXÕES SOBRE IMAGENS

Modigliani  (pintura)                                
I


O   que  pensa   a  mulher   do  leque?
Por que  seus olhos  se perdem  no  infinito?
O   que  percebe  dentro de si...
e que quase se encontra  em  labirinto?
No  entanto,  segue  segurando  o leque
que  parado  no  espaço,
faz voar tão longe o seu pensamento...
Ou será  apenas o  leque  um  adereço? (G.P)



pintura   de  Augusto   Marcke

 A  solidão...

Passeia  pelas   veredas do meus pensamentos
Sou  uma delas,
das moças que passeiam de  chapéus
com flores  e fitas,
e que  ensimesmadas passam
trancando  sonhos   em  seus corações... (G L)






.pintura de Di Cavalcanti



Temos  o silêncio
Um piano  posto  em  sossego
A menina  perdida em seus pensamentos
aninha um gato  ao colo
Penumbra... lá fora,
a luz ou  o  vento... (GL)



 escultura  em imagem obtida da Internet


Sentado,  olhos pesquisam  o infinito...
Há o silêncio das coisas inflexíveis
que  permanecem em meio ao  caos.
Estátuas de pedra
e isso,  é  só  um momento breve...(GL)

Guaraciaba  Perides

domingo, 11 de novembro de 2018

TECITURA

TECITURA
São fios de algodão,
fios de lã...
algum ouro, alguma  prata
na trama delicada que  se tece...
ao longo do caminho.
Entremeando  flores
e sugerindo  espaços...
de nós  em nós que alteando planos
vão as mãos  do  Tempo  trabalhando.
Artesãs da Vida
vão  compondo  histórias,
repetindo  ciclos,
alternados ciclos,
ciclos alternados...

Fios  de ouro
na trama que se borda
~~~~fios  de ouro,
cruzam-se  e se  afastam
Perdem-se e se reencontram
traçando paisagens, de formas
e de flores
que à luz  de algures
cintilam no  espaço.
Circulam e se ligam e
de novo se encontram
cumprindo passagens.
Atando os  nós, em retas  e viés...
No fundo  se perdem
em tons que se esfumam
deixando a lembrança
de um vago  momento...

Guaraciaba  Perides



imagem de  internet...tapete persa