Amigos

terça-feira, 29 de abril de 2014

SOB O CLARÃO DA LUA

Um pouco de paixão e fantasia
Como se ainda fosse tempo  de
brilhar como um clarão da lua.
Nas pedras do caminho um pouco
de luz...ainda que tardia, brilha
apesar desse jardim estar além
do fim do mundo.
Mas há veredas de perfumes
em flores que circundam
e o chão é um tapete de veludo.
O caminhar é leve
e quase que flutua
e sobretudo ainda existe
o clarão da lua...
Na fonte que murmura
a doce melodia
da água cristalina que borbulha.
O pensamento foge
além do próprio tempo
e apenas num momento
construo meu refúgio
sob o clarão da lua...

Guaraciaba Perides





Para um pouco de paixão e  fantasia  encontrei este vídeo recriando cenários sob o clarão
da lua e música Clair de Lune de Débussy




18 comentários:

  1. Como se ainda fosse tempo...Felizmente, existe um consolo, o clarão da lua sempre.
    Muito bonito, Guaraciaba.
    Beijo e bom dia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Shirley...o luar sempre corresponde aos nossos anseios como poesia em estado puro...
      Obrigada Shirley pelo comentário. Um abraço enluarado.

      Excluir
  2. Oi Guaraciaba,falar sobre a Lua é maravilhoso.
    E quando ela nos mostra esse luar é para inspirar os versos dos poetas..
    Adorei amiga
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carmen, para você que ama o sonho e a fantasia o doce encanto do clarão da lua.
      Obrigada !
      Um abraço

      Excluir
  3. "O pensamento foge
    além do próprio tempo
    e apenas num momento
    construo meu refúgio
    sob o clarão da lua"

    Belíssimo poema.
    Ao menos o clarão da lua, para nos consolar e reinventar as paixões e fantasias.

    ResponderExcluir
  4. A canção escolhida é apaixonante.
    bjs. adoro.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Lourdinha...obrigada. A grande vantagem do ser humano é a sua capacidade de imaginar e sonhar refúgios de paz.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  6. Olá amiga. Aqui tudo se encaixou de forma perfeita. Bom final de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria José...obrigada pela presença.
      Um abraço e muita luz no seu caminho.

      Excluir
  7. Acredite no Tempo, na Amizade, na Sabedoria, e principalmente no Amor.
    Aí com certeza um dia eu, a Felicidade, baterei em sua porta.
    Tenha Tempo para os seus sonhos,
    eles conduzem sua carruagem para as estrelas.
    Tenha FÈ em DEUS.
    Tenha um excelente Final de semana
    E não esqueça, SORRIA sempre para a vida.
    O sei sorriso pode alegrar a vida dos que te cercam,
    e a minha também.
    Deus abençoe poderosamente seu final de semana.
    Beijos no coração carinhos na alma.
    Até sempre se Deus me permitir.
    Carinhosamente...Evanir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Evanir, obrigada pela mensagem sempre tão positiva...
      Um abraço .

      Excluir
  8. Guaraciaba, a paz do espírito transcende as necessidades corpóreas, o clarão da lua pode nos elevar ao verdadeiro existir, nos desprendendo dos apegos e ilusões da matéria mais densa. Suas palavras ecoam como um cântico dos céus em nossos corações. Eu e Bindi, lhe agradecemos o carinho de sempre.

    Ghost e Bindi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ghost e Bindi...obrigada pela linda reflexão. É verdade... a lua tem para nós uma referência mágica de encantamento surreal, fora das limitações do tempo e da matéria; por isso é boa para meditação
      .
      um abraço

      Excluir
  9. Lua, amor, e poema combina bem
    E falar dela desse clarão é a perfeição
    em forma de muita paz
    Um lindo e romantico poema minha linda

    Bom final de semana
    Bjusss

    ** Rita **

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita...a lua sempre foi a namorada dos poetas e dos sonhadores e o seu clarão cria um momento mágico. Um abraço enluarado.

      Excluir
  10. Alguém já disse que a "unanimidade" é burra...., pode até ser, em certos casos, mas, tratando-se de luar, todos são unânimes em se encantar com a beleza...- romantismo aflora, com toda a força do amor. Apreciar o clarão da lua, ao som de Débussy é o fino do romantismo. Gostei da poesia, descreveu o imaginário do ser romântico!
    Bom domingo, Guaraciba. Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lúcia...a bem da verdade nem todo mundo gosta da lua ou sente a sua força magnética.A lua no Tarô tem um componente de ilusão que leva à fuga do verdadeiro...mas e daí? ela é linda, solitária e um pouco triste, mas é um "avatar" da alma feminina ...não me canso de olhar a lua quando o céu está limpo e é noite de lua cheia (acho que sou lunática...rs,rs,rs)
      Um abraço

      Excluir
  11. Passando para deixar nossa homenagem pelo dia das mães, que é todos os dias. No sagrado momento da criação, a consciência maior se dividiu em masculino e feminino, saindo de Deus a mulher que gerou o homem, assim os dois juntos se tornando um só ser, um par, um casal, encontrarão o elo do reencontro com o criador.

    Ghost e Bindi

    ResponderExcluir